Fatores Onpage – Linkagem Interna

Fatores Onpage – Linkagem Interna | Essa é a última etapa a se observar numa otimização de sites Onpage. Se você chegou até aqui provavelmente já realizou o planejamento de seu projeto, reestruturou o site, atualizou com as melhores tecnologias e criou um conteúdo de qualidade para a sua página.

Agora é preciso desenvolver uma organização e estruturação dos links internos, baseada no organograma criado para seu projeto de SEO. Antes de abordar como realizar a configuração da linkagem interna em projetos de SEO, vamos falar um pouco de seus benefícios.Saiba mais detalhes aqui pela Cyber Impulso.

1. Sugestão de leitura/serviços:

Crie sugestões ou chamadas para levar seu cliente à página que ele deseja ou iniciar uma interação com ele. Essa é uma forma de ampliar as possibilidades do cliente conhecer melhor o assunto abordado sem precisar criar um texto muito longo, criando ainda a possibilidade de aproximação de sua empresa ao target, no caso da existência de links para dúvidas e sugestões. Esse tipo de linkagem torna a leitura do site mais dinâmica e leve, levando o cliente a se aprofundar apenas nos conteúdos que a ele interessar. Por exemplo,

“Se estiver lendo esse texto é porque está interessado em contratar o serviço de SEO para a sua empresa” e, então, inserir uma chamada para um diferencial do serviço, atraindo a atenção do cliente “Seu site na primeira página do Google em 90 dias” (link). Certamente agora chamamos a sua atenção!

2. Inserir chamadas Call-To-Action

Essa linkagem tem como papel facilitar e direcionar a tomada de decisão do cliente para um determinado tema/serviço. A função “Call-to-Action” é uma técnica de navegabilidade que objetiva a conversão, uma vez que o propósito de um site é vender ou divulgar alguma coisa.

Se o cliente não tomar nenhuma ação ao acessar o seu site, significa que o objetivo da página não foi cumprido e, nesse momento, um botão Call-to-Action pode fazer a diferença e conseguir uma conversão que naturalmente não aconteceria. Por conta disso, este recurso pode ser o diferencial de um site, e pode aumentar progressivamente sua taxa de conversão. (inserir um botão call-to-action com o texto: obtenha uma análise de seo para seu site sem compromisso).

No exemplo acima, oferecemos muito mais do que um simples orçamento, mas uma análise gratuita de otimização de sites. Certamente chamou a sua atenção!

Fatores Onpage: Linkagem interna para SEO

linkagem interna
Conheça a importância da linkagem interna dentro dos fatores onpage

Como já mencionado, a citação de um site por outras páginas tem demasiada importância no aumento da relevância deste.

Esse processo ocorre na medida em que a citação atrai novas possibilidades de acessos, cria “novos caminhos” e, consequentemente, aumenta a relevância de uma página. Da mesma forma, a linkagem também pode exercer grande poder de acessos quando adicionada internamente, entre as páginas de um site.

Como esse “caminho” é traçado? O acesso da página é passado para a página seguinte na medida em que o cliente clica no link sugerido no conteúdo anterior. Logo, pode-se dizer que cada link se configura como um fluxo de relevância passada de página para página.

Dessa forma, se uma página não possui uma linkagem interna, o fluxo desta será interrompido. Nessa compreensão, como a relevância de cada página poderá ser passada para a página seguinte se esse fluxo não existir?

Cuidado com os links quebrados

Os links quebrados geralmente são endereços errados, páginas que não existem ou que foram removidas e podem ser uma grande ameaça na execução de um projeto de otimização de sites.

Além do cuidado para não inserir links entre páginas sem uma estratégia, deve-se atentar para que esses links não estejam quebrados e realmente levem à página sugerida. Quando esse problema ocorre, é colocada em xeque a qualidade da página nas ferramentas de ranqueamento do Google.

Outro ponto negativo oriundo de problemas com links quebrados é que eles podem levar o cliente a perder a credibilidade na empresa representada. É preciso ter cuidado de identificar e remover os links quebrados a cada vez que um site for atualizado, principalmente quando existem páginas temporárias.

Conclusão

O Google se utiliza de mais de 200 critérios de análise para definir o posicionamento de um site nos resultados de suas buscas. Baseado nessas informações, o trabalho de otimização de sites deve ser extremamente criterioso, com estudos e testagens aplicadas ao projeto em uso.

É importante que um SEO seja feito com cuidado e todas as etapas concluídas devem estar constantemente submetidas a análise e revisão. Nem sempre será possível utilizar todas as técnicas de ranqueamento para um site, às vezes por problemas técnicos, financeiros ou ainda outras limitações inerentes ao planejamento.

Na eventualidade de ocorrer alguma adversidade durante o projeto, existem diversos outros itens que podem ser implantados. Esclarecemos alguns dos mais importantes itens de ranqueamento, além de técnicas que utilizamos nos trabalhos de consultoria SEO.

Como em alguns nichos de mercado a concorrência é mais alta que em outros, as posições são definidas por detalhes que devem ser observados e atualizados constantemente. Por isso, os fatores onpage dentre de um trabalho SEO nunca deve ser iniciado sem um estudo profundo do mercado, bem como de sua concorrência.