Por que o Bitcoin oscila tanto?

Por que o Bitcoin oscila tanto? Com uma queda de mais de US$20 mil nos últimos dois meses, muitos investidores estão receosos quanto ao futuro da criptomoeda.

As moedas digitais chegaram para trazer grande inovação ao setor financeiro. Com toda sua velocidade em transações e a tecnologia de ponta, que garantem maior segurança para os usuários, esses criptoativos conquistaram o mercado e ganharam cada vez mais espaço. Porém, muitas dúvidas ainda existem sobre a rápida valorização que ocorre em alguns casos.

Mesmo com pouco tempo de existência, o Bitcoin, a cripto mais conhecida e valiosa atualmente, trouxe bons lucros para muitos investidores. Contudo, nos últimos meses, a moeda vem sofrendo grandes quedas e muitas oscilações, deixando investidores em dúvida sobre ela ser ou não um bom investimento.

As variações fazem parte do mercado financeiro

Por mais que você possa se assustar com a grande queda que algumas moedas digitais andam sofrendo, é um caminho comum do setor econômico e acontece com diversos tipos de investimentos.

Seja os valores das ações de grandes empresas ou até mesmo o custo da grama do ouro, diariamente identificamos oscilações que podem valorizar ou desvalorizar o ativo – e os motivos para isso são diversos e, mesmo que você tenha um vasto conhecimento na área, não poderá afirmar o que acontecerá no futuro.

Com o Bitcoin não é diferente. O que muda é o fato de ter uma porcentagem maior nessas variações, um ponto que pode ser positivo ou negativo. Da mesma forma que a moeda aumentou seu valor rapidamente, as quedas seguem em velocidade semelhante.

Mais sobre finanças

Questões externas importam

As moedas digitais, além de trazerem toda tecnologia que certamente você já conhece, têm a intenção de ser um token descentralizado, ou seja, sem ligação direta com determinado país ou governo. Porém, os acontecimentos mundiais interferem em sua valorização.

Como é uma tecnologia recente, muitas regiões ainda discutem sobre a liberação das transações financeiras com esses ativos e cada decisão tomada quanto a esse assunto, faz com que a moeda oscile.

Além da legalização dessas criptomoedas, muitas mudanças na valorização acabam ocorrendo quando pessoas importantes, seja do setor financeiro ou de outro, falam sua opinião sobre a tecnologia.

Tendo em vista tudo que foi explicado até aqui, podemos concluir que as oscilações seguem um caminho normal, assim como em qualquer outro investimento – e você deve ficar atento ao momento e ao histórico das criptos para entender se são bons ativos para a sua carteira.